top of page

Missas e eventos da Paróquia

SANTO ANTÔNIO DE PÁDUA

Atualizado: 11 de set. de 2023


Santo Antônio ou Fernando Antônio de Bulhões, seu nome de nascença, nasceu em Lisboa, Portugal, em 15 de agosto do ano de 1195. De família nobre e rica, era filho único de Martinho de Bulhões, oficial do exército de Dom Afonso e de Tereza Taveira. Sua formação inicial foi feita pelos cônegos da Catedral de Lisboa. Antônio gostava de estudar e de ficar mais recolhido.


Vida de Santo Antônio


Aos 19 anos entrou para o Mosteiro de São Vicente dos Cônegos Regulares de Santo Agostinho, contra a vontade de seu pai. Morou lá por 2 anos. Com uma grande biblioteca em mãos, Antônio avança na sua história pelo estudo e pela oração. É transferido para Coimbra, que é um importante centro de estudos de Portugal, ficando lá por 10 anos. Em Coimbra ele foi ordenado sacerdote. Logo se viu o dom da palavra que transbordava do jovem padre agostiniano. Ele tinha conhecimento e grande poder de pregação.

Em Coimbra o Padre Antônio conhece os freis franciscanos, entusiasma-se pelo fervor e radicalidade com que estes viviam o Evangelho e, pouco depois, torna-se Frei Antônio, mudando-se para o mosteiro de São Francisco de Assis.


O Encontro de Santo Antônio com São Francisco de Assis


Santo Antônio faz o pedido de ir para o Marrocos pregar o evangelho e os Franciscanos permitem. No meio do caminho, porém, Frei Antônio fica muito doente e é forçado a voltar para Portugal. Na viagem de volta, o barco é desviado e vai para Itália, terminando por parar na Sicília, em um grande encontro de mais de 5 mil frades franciscanos chamado Capítulo das Esteiras. Lá, Antônio conhece pessoalmente São Francisco de Assis. A mão de Deus o tinha guiado por caminhos diferentes.


Falecimento


Santo Antônio morreu em Pádua, na Itália, em 13 de junho de 1231, com 36 anos. Por isso ele é conhecido também como Santo Antônio de Pádua. Antes de falecer nas portas de Pádua, Santo Antônio diz: ó Virgem gloriosa que estais acima das estrelas. E completou, estou vendo o meu Senhor. Em seguida, faleceu.

Os meninos da cidade logo saíram a dar a notícia: o Santo morreu. E em Lisboa os sinos das igrejas começaram a repicar sozinhos e só depois o povo soube da morte do Santo. Ele também é chamado de Santo Antônio de Lisboa, por ser sua cidade de origem.


Imagem de Santo Antônio de Pádua - Significados e Símbolos





Santo Antônio, que viveu durante o século XIII e foi membro da Ordem dos Franciscanos, sendo contemporâneo de São Francisco de Assis.


O Hábito Marrom


O Hábito de Santo Antônio é o típico hábito da Ordem Franciscana, a cor marrom representa a confirmação de sua grande fé em Jesus e seu desligamento da vida mundana. Os hábitos além de demonstrar que o usuário pertence a uma ordem religiosa, também demonstram sua consagração a Deus.




O Livro de Santo Antônio


Podemos ver na imagem de Santo Antônio um livro, este representa o Evangelho, e a sabedoria de Santo Antônio, que era considerado Doutor da Igreja. Além do mais, Santo Antônio de Pádua era conhecido por ser um extraordinário pregador, com a capacidade de reunir multidões para ouvi-lo, além de ser conhecido como "Arca do Testamento" pelo Papa Gregório IX devido aos seus conhecimentos sobre a bíblia.

Conta a história que certa vez um grupo de pessoas não quis ouví-lo pregar, então ele decidiu ir realizar sua pregação para os peixes, e rapidamente um cardume se reuniu e ficou com a cabeça para fora d'água enquanto o santo falava.


Menino Jesus na imagem de Santo Antônio


Tamanha era sua fé e seu dom na pregação dos evangelhos e por ser tão próximo de Jesus que em todas as representações de Santo Antônio o encontramos segurando o menino Jesus.


O Lírio na imagem de Santo Antônio


Na imagem de Santo Antônio é comum ver um lírio, esta planta representa a castidade e a pureza de coração.


A tonsura de Santo Antônio


O cabelo raspado no centro da cabeça se chama tonsura e representa o voto de castidade de Santo Antônio. A tonsura era uma cerimônia religiosa, na qual o Bispo raspava o cabelo de quem estava sendo ordenado no primeiro grau da Ordem. A tonsura tinha também o significado da renúncia das vaidades e ser como o Cristo, sendo coroado rei que se oferece a serviço de todos.


O Terço de Santo Antônio


As imagens feitas a partir do século XVI demonstram Santo Antônio com um terço na cintura, este demonstram que o santo era um homem de muita oração.



O Cordão na imagem de Santo Antônio


Na imagem de Santo Antônio existe um cordão em sua cintura, este é parte do hábito franciscano, e representa os votos perpétuos, deve ser amarrado com três nós que representam os votos de: obediência, pobreza e castidade que é feito por todo franciscano.


ORAÇÃO A SANTO ANTONIO PARA OBTENÇÃO DE GRAÇAS


Glorioso Santo Antônio, que tivestes a sublime dita de abraçar e afagar o Menino Jesus, alcançai-me deste mesmo Jesus a graça que vos peço e vos imploro do fundo do meu coração (pede-se a graça).

Vós que tendes sido tão bondoso para com os pecadores, não olheis para os pecados de quem vos implora, mas, antes, fazei valer o vosso grande prestígio junto a Deus para atender o meu insistente pedido. Amém.


RESPONSÓRIO DE SANTO ANTÔNIO:


Se milagres desejais,

Recorrei a Santo Antônio;

Vereis fugir o demônio

E as tentações infernais.

Recupera-se o perdido,

Rompe-se a dura prisão

E no auge do furacão

Cede o mar embravecido.

Todos os males humanos

Se moderam, se retiram,

Digam-no aqueles que o viram,

E digam-no os paduanos.

Repete-se o refrão: Recupera-se o perdido…

Pela sua intercessão

Foge a peste, o erro, a morte,

O fraco torna-se forte

E torna-se o enfermo são.

Repete-se o refrão: Recupera-se o perdido…

Glória ao Pai, e ao Filho e ao Espírito Santo

Assim como era no princípio, agora e sempre.Amém

Repete-se o refrão: Recupera-se o perdido…

V: Rogai por nós, bem-aventurado Antônio.

R: Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.


OREMOS


Ó Deus, nós vos suplicamos, que alegre a Vossa Igreja na solenidade votiva do bem-aventurado Antônio, vosso Confessor e Doutor, para que, fortalecida sempre com os espirituais auxílios, mereça gozar os prazeres eternos. Por Jesus Cristo, Nosso Senhor. Amém.


SÚPLICA

Meu querido Santo Antônio, santo dos mais caridosos, o vosso ardente amor de Deus, as vossas sublimes virtudes e grande caridade para com o próximo vos mereceram durante a vida o poder de fazer milagres espantosos. Nada vos era impossível senão deixar de sentir compaixão pelos que necessitavam da vossa eficaz intercessão. A vós recorremos e vos imploramos que nos obtenhais a graça especial que neste momento pedimos. Ó bondoso e santo Taumaturgo, cujo coração estava sempre cheio de simpatia pelos homens, segredai as nossas preces ao Menino Jesus, que tanto gostava de repousar nos vossos braços. Uma palavra vossa nos obterá as mercês que pedimos. (Segue-se a meditação do dia competente)


http://www.catolicismoromano.com.br

26 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Komentáře


_edited.jpg
bottom of page